quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Carnaval



         
         Pular e dançar faz bem à alma e ao corpo. Você descarrega as energias negativas e, de quebra, queima gorduras e faz uma atividade física mais divertida e gostosa.

            Durante todo o dia e uma hora antes de sair faça uma refeição com carboidrato e sem gordura, para manter a energia durante toda a noite. 

 Consuma alimentos fonte de carboidratos como, pães, massas com molho leve, batata, arroz, cereais entre outros. Eles são responsáveis pela formação da energia que será gasta durante a festa. Os grãos integrais, as nozes e a soja são alimentos fonte de vitaminas do complexo B, que participam do metabolismo dos carboidratos, proteínas e lipídios, favorecendo a formação de energia.

● Refeições completas: monte o seu prato incluindo carne magra + carboidrato (macarrão, batata ou arroz) + salada e legumes cozidos + suco de fruta.
 
● Lanche simples: monte um sanduíche incluindo, além do pão integral, um alimento fonte de proteína (peito de peru, frango desfiado, roast beef, atum em água ou queijos do tipo branco, cottage, ricota,) + salada + fruta ou suco de frutas.


Alimentos gordurosos devem ser evitados, pois além de muito calóricos, têm uma digestão lenta e difícil. Portanto, se quiser manter longe a indisposição e cansaço evite carnes gordas, frituras, salgadinhos e doces calóricos.

Procure evitar também alimentos que provocam a formação de gases, como feijão, couve, brócolis, couve- flor, lentilha, milho, pepino, abacate, melancia e melão. Eles podem causar indisposição, cólica e desconforto intestinal atrapalhando a festa. O açúcar dos doces também fermenta no intestino podendo causar gases.

         Beba muita água mineral de 30 em 30 minutos, para manter-se hidratado, ou água de coco. Evite ingerir bebidas alcoólicas, e se ingerir, “fuja da ressaca”. Para cada copo de bebida alcoólica, tome dois copos de água ou suco de frutas diluído em água. Evite as bebidas isotônicas, que além de conter muito açúcar são muito calóricas.

Álcool em excesso provoca ressaca, sede, dor de cabeça e náuseas, além de outras consequências mais sérias acarretando prejuízos de estômago, fígado, hipertensão arterial, perda de memória entre outros.

Além disso, o álcool provoca efeito diurético que pode ser agravado com o aumento da sudorese durante a folia. Sem contar que, quanto maior o teor alcoólico de uma bebida, mais calorias ela apresenta.


Se beber, modere na quantidade e capriche na ingestão de água e alimentos fonte de potássio, como, por exemplo, damasco seco, leite desnatado, cacau, abacate, banana, germe de trigo e caldo de carne para compensar. 

           Após a folia, prepare o seu café da manhã antes de deitar. Este deverá conter: fruta ou suco de fruta + iogurte com granola ou leite com pão integral e queijo branco. Assim você acorda bem mais disposto e sem aquela fome louca.

          Nos dias restantes: continue com sua alimentação saudável e não se esqueça de comer carboidratos no almoço e jantar (arroz, massa, pão, batata e suas substituições). Inclua muita fruta ao longo do dia.

         Em caso de excessos: se abusar de gorduras, proteínas, álcool ou açúcar nesses dias, procure consumir de 3 a 4 litros de água e chás, principalmente carqueja e boldo para acelerar o processo de desintoxicação.

 
As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizadas única e exclusivamente, para seu conhecimento.



Referências Bibliográficas:

Nutrição em Pique de Carnaval. RG Nutri – Identidade em Nutrição. Disponível em: www.rgnutri.com.br

Stürmer, JS. Reeducação alimentar: qualidade de vida, emagrecimento e manutenção da saúde. Petrópolis, RJ: Vozes, 2001.
 


Postar um comentário