domingo, 19 de fevereiro de 2017

Cogumelos



O cogumelo é um vegetal que não tem raiz, nem talo, nem folhas, nem clorofila e se alimenta de matéria orgânica já existente. É mais frequentemente encontrado aderido à madeira, ao esterco ou ao húmus (tecido parcialmente decomposto de formas vegetais mais complexas). Os cogumelos são tão especiais que até possuem um reino próprio, o reino Fungi.

Utilizados como alimentos em todas as eras e culturas, os cogumelos apresentam elevado teor proteico (19-35%) e baixo teor de gorduras. Contêm ainda grandes quantidades de carboidratos e fibras, variando de 51-88% e de 4-20% (peso seco), respectivamente, para as principais espécies cultivadas. Além disso, o alimento contém quantidades significativas de vitaminas, principalmente tiamina, riboflavina, ácido ascórbico, vitamina D2 e, também, minerais.

É possível comprar os cogumelos frescos, congelados, secos ou em conservas. Quando frescos, algumas variedades podem ser consumidas cruas, mas a grande maioria exige ou fica mais saborosa com o cozimento. A grande vantagem do cogumelo é que ele absorve o sabor dos pratos aos quais é adicionado, o que o torna um ingrediente muito valorizado em diferentes receitas. Vai bem com pratos tão variados como mariscos e pizzas.

Veja os benefícios mais importantes dessas delícias:

Reforço para o sistema imunológico: pesquisadores descobriram que o shitake possui uma substância chamada lentinan, que tem o poder de mudar a resposta biológica do organismo frente a algumas doenças ou processos. Isso quer dizer que ele estimula a atividade imunológica do organismo. O shitake, consumido regularmente, tem o poder de prevenir o câncer, além de ser um excelente antigripal.

Amigos do coração: o shitake e o shimeji contêm substâncias, como as betaglucanas e a eritadenina, que diminuem a concentração de gordura no sangue, que em excesso pode causar doenças cardiovasculares.

Ricos em proteínas: os cogumelos são ricos em proteína e tem a vantagem de ter baixa quantidade de gordura. Além disso, o shitake e o shimeji contêm aminoácidos essenciais, que são fundamentais para o metabolismo funcionar bem.

Os mais consumidos no Brasil são o shitake, o shimeji, o champignon e o funghi secchi (porcini). 

ATENÇÃO: Se preparados com muita manteiga ou gordura, podem dobrar as calorias. Lembre-se ainda que o champignon em conserva contém sódio em excesso. Consuma com moderação.

As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizadas única e exclusivamente, para seu conhecimento.

Referências Bibliográficas:

Aposte nos cogumelos. Rev Meu Prato Saudável, 2014.

Salgado, JM. Cogumelos são deliciosos e fazem bem à saúde. In: Salgado, JM. Alimentos inteligentes: saiba como obter mais saúde por meio da alimentação. 1 ed. São Paulo: Prestígio, 2005.
Postar um comentário