domingo, 27 de setembro de 2015

Dia Mundial do Coração



 As doenças cardiovasculares são responsáveis pela morte de cerca de 17,1 milhões de pessoas no mundo. Só no Brasil esse número chega a aproximadamente 300 mil. Ou seja, são 820 mortes por dia, 30 mortes por hora ou uma morte a cada 2 minutos.

        
  Derrames cerebrais, infarto, insuficiência cardíaca e renal e morte súbita são alguns exemplos que poderiam ser evitados com a identificação precoce dos fatores de risco para as doenças cardiovasculares e intervenções medicamentosas.

Fatores de Risco Não Modificáveis: Hereditariedade, Idade, Gênero (Masculino ou Feminino).

Fatores de Risco Modificáveis: Alimentação inadequada, Colesterol alto, Hipertensão arterial, Tabagismo, Inatividade física ou sedentarismo, Sobrepeso ou obesidade, Elevada circunferência abdominal e Presença de diabetes.

Alimentação Saudável na Prevenção e Tratamento de Doenças do Coração

            A adoção de hábitos alimentares saudáveis deve ser realizada desde os primeiros anos de vida, pois o controle da dieta é o primeiro passo para a prevenção e tratamento das doenças do coração. Entretanto, nunca é tarde para mudar, desde que as mudanças sejam permanentes e não apenas temporárias.

               Existem alguns princípios para se ter uma alimentação saudável:

Variedade: nenhum alimento fornece todos os nutrientes que o nosso corpo precisa, portanto, ao compor o prato escolha alimentos variados e coloridos.

Moderação: não existem alimentos bons ou ruins, todos podem fazer parte de uma alimentação equilibrada, desde que consumidos na quantidade certa, sem exageros e em frequência controlada.

Fracionamento: manter os hábitos regulares das refeições e não “pular” nenhuma delas é importantíssimo para o corpo, pois ele sabe que irá receber todos os nutrientes de que precisa ao longo do dia. Recomenda-se realizar 6 refeições por dia, sendo elas: café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e lanche da noite.

Alimentos Funcionais

            Existe um grupo de alimentos, comprovados cientificamente, que proporcionam benefícios à saúde por conterem certos princípios ativos. Confira abaixo os alimentos que fazem bem ao coração:

Aveia: contém β-glucana que contribui na redução do colesterol total e do LDL-colesterol quando consumida em forma de farelo de aveia (4 colheres de sopa/dia = 40g) ou como farinha de aveia (4 colheres de sopa/dia = 60g).

Peixes: com alto teor de ácidos graxos ômega 3, como salmão, atum, sardinha, cavala, truta: contribuem na redução dos triglicerídeos, do risco de doenças cardíacas e do infarto agudo do miocárdio, com o consumo de 2 porções na semana.

Soja: rica em proteína de origem vegetal, contribui na redução do colesterol total e do LDL-colesterol, com o consumo diário de leite de soja (5 copos/dia = 980ml), grão de soja (1 concha = 148g), proteína texturizada de soja (1 porção de 50g), queijo de soja (7 fatias grossas = 357g) ou hambúrguer de soja (1 porção grande = 125g).

Suco de uva: contém polifenois como o resveratrol, que contribui na redução do risco de doença arterial coronariana com o consumo de 1 a 2 copos/dia (= 240 a 470ml/dia). O vinho, embora contenha essas substâncias, por ser uma bebida alcoólica, deve ser tomado apenas quando liberado pelo médico ou nutricionista.

Cremes vegetais e margarina enriquecida: contêm fitoesterol e ésteres de etanol, que contribuem na redução do colesterol total e do LDL-colesterol com o consumo de 2 colheres de sopa por dia = 20g/dia.

Oleaginosas: contêm vitamina E e ácidos graxos monoinsaturados, que contribuem na redução do risco de doenças cardiovasculares, com o consumo de 30 a 60g ao dia de nozes, amêndoa, castanha de caju ou do Pará, macadâmia, pecã, avelã, amendoim.

Alho: contém produtos sulfurados que contribuem na redução do colesterol total e do LDL-colesterol com o consumo de 1 dente de alho por dia.

As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizada única e exclusivamente, para seu conhecimento.

Referências Bibliográficas:

Como cuidar do seu coração. Instituto do Coração HCFMUSP. Disponível em: www.incor.usp.br

Dia Mundial do Coração. Cartilha informativa. Sociedade Brasileira de Cardiologia. Disponível em: www.prevencao.cardiol.br

Postar um comentário