sexta-feira, 5 de maio de 2017

Higiene das Mãos



De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o simples ato de lavar as mãos reduz em até 40% o risco de contrair doenças como gripe, diarreia, infecção estomacal, conjuntivite e dor de garganta. Vírus e bactérias são facilmente transportados pelas mãos das pessoas. Em geral, as mãos são a parte do corpo que mais tem contato entre uma pessoa e outra e as pessoas, em geral, usam as mãos pra diversas coisas, costumam passar a mão nos olhos, no nariz, na boca, no corpo, muitas vezes, sem perceber; assim como tocam diversos objetos e todas essas podem ser fonte de microrganismos que causam doenças e a sua transmissão pode ser muito reduzida se as pessoas lavarem as mãos adequadamente.

Higiene e Comportamento Pessoal do Manipulador de Alimentos

É necessário dar especial atenção às boas práticas de higiene, ao bom comportamento pessoal, pois muitos microrganismos habitam o nosso corpo.

Todas as pessoas que trabalham com alimentação são consideradas “manipuladores de alimentos”, ou seja, quem produz, coleta, transporta, recebe, prepara e distribui o alimento.

Devemos:

● usar uniformes sempre limpos;
● usar calçados fechados;
● usar cabelos aparados e protegidos com toucas e redes;
● fazer a barba diariamente e não usar bigode;
● tomar banho diariamente;
● unhas sempre curtas, limpas e sem esmalte;
● mãos mantidas limpas. 



Não Devemos:

● manipular alimentos se estiver doente ou com ferimentos nas mãos e unhas;
● cantar, tossir ou espirrar sobre os alimentos;
● utilizar utensílios que foram colocados na boca;
● mascar goma ou comer durante o serviço;
● provar os alimentos com as mãos;
● manusear dinheiro;
● fumar durante o trabalho;
● usar adornos (anéis, alianças, brincos, relógio, pulseira, colar, piercing, etc);
● evitar passar o dedo no nariz, orelhas e boca ou coçar a cabeça e qualquer parte do corpo. 



Quando devemos lavar as mãos?

● Ao chegar no trabalho e antes de iniciar as tarefas;
● Ao iniciar um novo serviço ou trocar de atividade;
● Depois de utilizar o sanitário, tossir, espirrar ou assoar o nariz;
● Depois de usar panos e materiais de limpeza;
● Depois de recolher lixo ou outros resíduos;
● Após manusear alimentos crus ou não higienizados;
● Antes de iniciar o manuseio de alimentos prontos;
● Depois de tocar em alimentos estragados;
● Depois de manusear dinheiro.

A lavagem das mãos exige certo cuidado e deve ser realizada com frequência. Basicamente, a pessoa deve usar água limpa e sabonete, lavar integralmente toda a superfície da mão, iniciando pelas palmas das mãos, preocupando-se muito com as pontas dos dedos, com o espaço entre os dedos, com as unhas, o dorso da mão e lavando até a região do punho, deve demorar aproximadamente de 30 segundos a um minuto. Isso pode ser substituído ou complementado pela utilização de álcool em gel.

A lavagem das mãos deve ser feita não somente antes das refeições e antes e depois de ir ao banheiro, mas também depois de tocar em objetos fora de casa, antes de tocar em bebês, depois de ter contato com pessoas doentes e sempre que a pessoa achar necessário.

As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizadas única e exclusivamente, para seu conhecimento.

Referências Bibliográficas:

Banco de alimentos e colheita urbana: Higiene e Comportamento Pessoal. Rio de Janeiro: SESC/DN, 2003, 14 p.

Higiene – Saiba por que é importante lavar as mãos. Ministério da Saúde. Disponível em: www.blog.saude.gov.br Acessado em: 22/07/2016.



Postar um comentário