terça-feira, 24 de novembro de 2015

Alimentos que Reduzem a Vontade de Comer Doces




Hoje vamos falar um pouquinho a respeito de alimentos que reduzem a vontade de comer doces. Mas primeiro vamos entender um dos principais mecanismos envolvidos na vontade de comer alimentos ricos em açúcar simples.

Vocês já ouviram falar da serotonina?

A serotonina é um neurotransmissor que desempenha um importante papel no sistema nervoso, com diversas funções dentre elas a liberação de alguns hormônios, regulação do sono, temperatura corporal, apetite, humor, atividade motora e funções cognitivas. A serotonina também é conhecida como 5-HT. Alguns estudos recentes descreveram que alterações nos níveis circulantes de serotonina têm sido relacionadas ao aumento do desejo de ingerir doces e carboidratos. 

Para exemplificar essas informações, temos um caso clínico. Em pacientes com anorexia, a concentração de serotonina está reduzida. Isso acontece, pois a ingestão de aminoácidos essenciais está reduzida, consequentemente a ingestão de triptofano (precursor de serotonina) também está reduzida. Portanto, a primeira dica de hoje para o controle da vontade de ingerir doces é: aumente o consumo de alimentos ricos em triptofano na sua dieta.  

Querem alguns exemplos? 

Os principais alimentos fontes de triptofano são carnes magras, peixes, leites e derivados (lembre-se: prefira os desnatados ou semi-desnatados); ovos, castanhas, amêndoas, ervilha, banana, abacate, couve flor. Portanto inclua alguns desses alimentos em suas refeições diariamente. E lembre-se sempre de não exagerar, pois qualquer alimento ingerido em excesso também pode prejudicar a saúde!!!



            Além da serotonina e os alimentos precursores também temos outros fatores que influenciam na vontade de comer alimentos doces. O estresse, por exemplo, aumenta a vontade dos alimentos doces. E um importante aliado ao combate ao estresse pode ser o consumo de fontes de ômega 3 (w-3). Portanto, a nossa segunda dica é o aumento no consumo de alimentos fontes de w-3, bem como: sardinha, linhaça (pode ser a marrom!!), atum e outros peixes de água fria. 


            Para finalizar as dicas de hoje, gostaríamos de sugerir opções mais adequadas para quando surge aquela vontade louca de comer doces. Por exemplo, dar preferência a chocolates 70% cacau, gelatina com frutas, chocolate de alfarroba, iogurtes desnatados com frutas, bolo integral. 

As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizadas única e exclusivamente, para seu conhecimento.

Texto elaborado pelas nutricionistas: Andressa Reginato, Ariadne Cecílio e Thaís de Fante.

Nutricionistas formadas pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atuam no ramo da pesquisa experimental e alimentação escolar. Integram a Equipe Nuthane desde 2013.

Referências Bibliográficas:

Fernanda de Matos Feijó, Marcello Casaccia Bertoluci, Cíntia Reis. Serotonina e controle hipotalâmico da fome: uma revisão. Rev Assoc Med Bras 2011; 57(1):74-77
Postar um comentário