quarta-feira, 27 de julho de 2016

Gelatina Como Fonte de Colágeno: Verdade ou Mito?



Com baixo teor calórico, refrescante e em diversos sabores, a gelatina é um alimento muito consumido por todas as idades e classes sociais devido à fácil preparação e baixo custo.

Porém foi criada uma falsa propaganda sobre os benefícios a saúde por ela proporcionados, em análises realizadas com gelatinas comerciais foram encontrados elevados teores de sódio e açúcares, e o mais chocante o baixo teor de colágeno. Degradando desta maneira, a imagem de um produto benéfico à saúde, rico em colágeno que pode ser consumido sem restrição.

O apelo atribuído às gelatinas, principalmente devido à quantidade de colágeno tem de certa forma ludibriado o consumidor, que acredita que se alimentando com este produto esta satisfazendo as necessidades diárias de colágeno. 

E qual a importância do Colágeno ?

O colágeno é uma proteína fibrosa importante à manutenção da saúde, pois compõe órgãos como a pele, tendões, ossos, dentes, vasos sanguíneos, intestinos e cartilagens, correspondendo a 30% da proteína total e 6% em peso do corpo humano. Ele se destaca das outras proteínas animais devido ao seu alto teor de glicina e prolina.

Suas frações têm um importante papel na composição da dieta humana por pelo menos duas razões: é fonte de fibras nutritivas e constitui uma fonte de proteína animal.

O colágeno é produzido naturalmente pelo corpo humano, mas pesquisas demonstraram que essa produção tem um ritmo diminuído a partir dos 30 anos, perdendo anualmente 1% dessa proteína. Para compensar essa perda, devemos inserir na dieta cotidiana alimentos que são de fato fontes de colágeno como os alimentos ricos em proteínas de origem animal, as carnes, por exemplo, tanto a vermelha, de frango e peixe.

As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizada única e exclusivamente, para seu conhecimento.

Referências Bibliográficas:

CHEN Xiu jin 1,CAO Jian 1,TANG Ke yong 2 . APPLICATION OF COLLAGEN AND GELATIN IN FOOD INDUSTRY. Journal of Zhengzhou Grain College. 2002.

JIA, J. ; ZHOU, Y. ; LU, J. ; CHEN, A. ;  Li, Y. ; ZHENG, G. Enzymatic hydrolysis of Alaska pollack (Theragra chalcogramma) skin and antioxidant activity of the resulting hydrolysate: Journal of the Science of Food and Agriculture, (2009), p. 635–640

Santana, ATMC. Gelatina como fonte de colágeno: verdade ou mito?
Grupo de Estudos em Alimentos Funcionais – GEAF, ESALQ/USP. Disponível em: www.grupoalimentosfuncionais.blogspot.com.br
Postar um comentário