sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Começando 2017 Tirando Pé da Jaca



Fim do ano chegou e o alívio para quem está cansado da correria do ano inteiro também. Mas além dessa sensação de “dever cumprido” vem aqueles quilinhos a mais que serão adquiridos com a famosa comilança de fim de ano! É amigo secreto, confraternização do escritório, ceia de Natal, festa de Ano-Novo e por ai vai, motivos não faltam para a comemoração do encerramento de 2016.

Depois de toda comemoração é hora de voltar à rotina, e o mais importante, voltar à rotina saudável. Se você está desesperada porque engordou todos os quilos que havia emagrecido durante o ano, acalme-se! Em primeiro lugar, tome cuidado com as dietas malucas que prometem emagrecimento rápido! De nada adianta aderir a elas, uma vez que podem ser ainda mais prejudiciais à saúde e depois de algum tempo os quilos perdidos podem voltar com força total!

Uma dica simples e super válida é hidratar seu corpo! Isso pode ser feito com água, sucos em geral, água de coco e também ingerir frutas suculentas como melancia e melão. 


Uma opção é sempre ter frutas inteiras higienizadas, uma opção pratica e que pode ser consumida em qualquer momento ou lugar.  Outra dica é beber chás gelados, como, por exemplo, o chá verde, que além de ser muito refrescante também é termogênico (acelera o metabolismo)!

Alimentos diuréticos também são muito bem-vindos! Essa função você pode encontrar no chá de hibiscus, pepino, maracujá, abacaxi, alface, agrião, repolho, tomate, salsinha, alcachofra, broto de feijão, pepino, erva-doce, berinjela. Esses alimentos agem no nosso organismo auxiliando na eliminação do excedente de líquidos através da urina, evitando assim os inchaços.

No entanto, muitas vezes não exageramos apenas na comida! A bebida também é um grande vilão das nossas comemorações de fim de ano. Com certeza ao final deste feriado pelo menos um de nossos leitores terá abusado das bebidas alcoólicas. E no dia seguinte, os sintomas são inconfundíveis: aquela dor de cabeça e no corpo como se tivesse passado um caminhão em cima de você. A ressaca nada mais é do que um tipo de crise de abstinência. 

Como qualquer outra bebida ou alimento, o álcool é metabolizado e distribuído pela corrente sanguínea para todas as células do corpo. Quando ele chega ao nosso cérebro, temos a embriaguez ou relaxamento. O fígado é o órgão que mais trabalha para dar conta de eliminar as toxinas geradas por tanta bebida alcoólica. Quando o trabalho cessa, o fígado entra numa espécie de depressão, desorganizando todo o metabolismo. Por sua vez, o sistema nervoso tem uma reação parecida. E os resultados são péssimos.

Tomar uma dose de bebida alcoólica no dia seguinte para combater a ressaca é mito. Ingerir álcool somente irá aumentar a toxicidade já existente no organismo. Existem ainda poucas evidencias de que uma dose de café forte alivia os sintomas da ressaca. 



Por isso, se você acordou com aquela ressaca a melhor dica é tomar bastante água de coco! Ela é um santo remédio para os sintomas do abuso de bebida alcoólica. Seus carboidratos repõem a energia perdida ao mesmo tempo que repõe os minerais.

A pera asiática, também tem demonstrado aliviar os sintomas da ressaca. Segundo dados de uma pesquisa realizada no sul da Coreia, esta fruta não somente age sobre os sintomas como também durante a desintoxicação do álcool e é capaz de reduzir a severidade da ressaca.  E vamos lembrar aqui que não adianta tomar um refrigerante. Tais bebidas são ricas em sódio e cafeína, compostos que favorecem a desidratação ao invés da hidratação. 

Outra forma de aliviar os sintomas típicos e desagradáveis da ressaca é comer ovos cozidos. Eles são apresentados como aliados da ressaca por apresentarem a cisteína, que ataca o acetaldeído, a toxina que provoca a ressaca. Além disso, tanto a casca quanto a polpa da Manga são também são capazes de reduzir os níveis de álcool sanguíneo, ao acelerarem a degradação deste composto, por isso são fortes aliadas à redução dos sintomas provocados pela ingestão excessiva de bebidas alcoólicas.

Com o fígado sobrecarregado é importante lembrar que ele também merece um descanso! Sendo assim, nos primeiros dias do ano evite as comidas gordurosas! Ao invés de investir no churrasco regado à picanha prefira carnes brancas como frango ou peixe. É bom evitar também as típicas nozes e castanhas, apesar de serem ótimas para a saúde, são ricas fontes de gordura.

Outra ótima opção é aderir a refeições bem diversificada, composta por legumes e verduras, pois, além de contribuírem para a desintoxicação também são alimentos de digestão fácil. Procure montar pratos bem coloridos para garantir uma alimentação rica em compostos antioxidantes variados, além de vitaminas e minerais.

Tente evitar também os carboidratos, como arroz, batata e macarrão, mas se isso não for possível substitua-os por carboidratos na forma integral (pães, arroz e aveia). Levando em conta a praticidade também podemos escolher as barras de cereais, biscoitos ricos em fibra, que vão auxiliar na regulação do nosso intestino.

Mas, aliado a tudo isso é importantíssimo que você também inclua a atividade física. Ela irá auxiliar na queima das calorias adquiridas e com certeza te proporcionará um maior bem-estar, dando ânimo para ter um maravilhoso 2017.

As informações contidas neste blog, não devem ser substituídas por atendimento presencial aos profissionais da área de saúde, como médicos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos e etc. e sim, utilizadas única e exclusivamente, para seu conhecimento.

Referência Bibliográfica:

Bachiega, P. Comece o ano tirando o pé da jaca. Grupo de Estudos em Alimentos Funcionais – GEAF, ESALQ/USP. Disponível em: www.grupoalimentosfuncionais.blogspot.com.br
Postar um comentário